Brasileiros são "Loucos de aceitarem a Copa e as Olimpíadas"

Use este espaço para falar sobre seu esporte favorito.
Responder
Avatar do usuário
Parallax
Administrador
Administrador
Mensagens: 18478
Registrado em: Seg Nov 15, 2010 07:30
Texto Pessoal: EU SOU A LEI!!
Contato:

Brasileiros são "Loucos de aceitarem a Copa e as Olimpíadas"

Mensagem por Parallax »

No país para colaborar com a CPI do Futebol, no Senado Federal, jornalista escocês detona também o COI: "Acho que é a organização mais desprezível que existe"

Imagem

Nesta semana, o jornalista escocês Andrew Jennings esteve em Brasília para colaborar na CPI do Futebol, no Senado Federal, que tenta investigar a corrupção no esporte do país. Considerado inimigo nº 1 da Fifa, o britânico já escreveu dois livros sobre os escândalos na entidade soberana do futebol no mundo e prepara um documentário, que inclui as prisões de dirigentes esportivos em Zurique, Suíça, em maio desse ano. Para o britânico, que se autointitula "amigo do Brasil", o país não deveria ter realizado a Copa do Mundo em 2014, muito menos as Olimpíadas em 2016.

- Sabe que chega a ser quase uma boa coisa que a economia de vocês, infelizmente, esteja em uma recessão? Isso de acordo com as reportagens que eu li. Pelo menos, vocês podem dizer (ao COI): "Não! Nós não temos dinheiro". Eu digo, como um amigo do Brasil, que vocês são loucos de aceitarem uma Copa do Mundo e mais loucos ainda de aceitar as Olimpíadas. Depois dos Jogos Olímpicos, vocês deveriam pegar os balancetes e decidir quem os iludiu mais. Mas o COI, eu acho que é a organização mais desprezível que existe - afirmou o jornalista investigativo.

Colaborador direto da polícia federal americana nas prisões de dirigentes do alto escalão das mais diversas federações e confederações de futebol do mundo, Andrew Jennings dedica-se há 15 anos para tentar limpar a corrupção dentro do esporte. Além do Brasil, o jornalista percorre o mundo colaborando com diversas investigações e coletando mais informações para novas denúncias.

- Eu dei meu testemunho nesse ano em Washington (EUA), ao Senado de lá, provavelmente irei testemunhar no Parlamento Britânico no fim de 2015, e no próximo ano será no Senado da Austrália. Com as viagens, eu também conheço outros jornalistas que também sabem de coisas, e eu quero saber o que eles sabem, e eles querem saber o que eu sei - comentou Jennings.

Em maio desse ano, o FBI prendeu oito dirigentes de diversas confederações e federações de futebol do mundo em Zurique, na Suíça, que estavam no país europeu para participarem do Congresso da Fifa que se realizaria. Entre os presos, o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol, José Maria Marin.

http://sportv.globo.com/site/programas/ ... iadas.html" onclick="window.open(this.href);return false;

Responder